Polícia

Um dos “Matadores da 12” morre em confronto com o PETO/ROTAM e a RONDESP


Elizeu, juntamente com outro criminoso ceifaram a vida de diversas pessoas nos bairros Castelinho, Residencial Castelinho, Jerusalém e Tancredo Neves


20/01/2018 - às 16:01h
Por Bell Kojima


Na tarde deste sábado (20), um dos matadores sanguinários, que vinha aterrorizando Teixeira de Freitas, tombou em confronto com policiais militares do PETO/ROTAM da 87ª CIPM e RONDESP Sul. Os militares receberam informações de que o criminoso, Elizeu Almeida Marinho, vulgo “Elizeu Terror”, estaria armado e seguindo para a antiga academia de “Maguila“, indivíduo que foi morto dentro do seu bar na última quinta-feira.

A academia, localizada na ladeira do Tancredo, seria local usado pelos criminosos para se esconder. As equipes chegaram no local, cercaram a área e deram ordem para o criminoso se render. Momento em que ele, em posse de uma pistola importada, disparou contra os policiais, dando início a uma intensa troca de tiros. Após minutos de confronto, fim da linha para Elizeu Terror. O criminoso foi atingido e mesmo após ser socorrido, não resistiu e morreu no HMTF.

Com ele foi apreendida uma pistola de fabricação Argentina marca ARAS automática calibre .45 com número de série 42300.

   Elizeu, juntamente com outro criminoso, são apontados como os “Matadores da 12”, e ceifaram a vida de diversas pessoas nos bairros Castelinho, Residencial Castelinho, Jerusalém e Tancredo Neves, fazendo a cidade voltar a ser notícia a nível nacional.

Em desfavor de Elizeu, deve existir cerca de 2 mandados de prisão, e ele é citado em diversos procedimentos.

Os matadores tentaram instalar o terror na cidade, desafiando o Estado, inclusive matando cidadãos de bem, porém, mais uma vez o PETO/ROTAM e a RONDESP Sul mostraram eficiência e êxito ao identificarem os matadores e realizarem diversas diligências a fim de prendê-los. Porém, o instinto sanguinário de um dos acusados, o fez tentar contra a força policial, e ao responder à injusta agressão, a guarnição conseguiu acertar o acusado. O corpo segue no HMTF e as equipes continuam as diligências.

A arma foi apresentada na Delegacia Territorial de Teixeira de Freitas e os procedimentos de formalização ficarão a cargo do delegado, Maderson Souza Dias. Como a arma apreendida com o matador possui o mesmo calibre de uma das armas que mataram Jalperaz do Espírito Santo Rocha, o “Soca”, a polícia deverá apurar a ligação entre os casos e pedir uma micro comparação balística, já que ele pode ter sido um dos matadores de Soca e de sua família.


Por Rafael Vedra/Liberdade News

Edição Bell Kojima


Saiba mais:

“Maguila” ex-proprietário de academia é executado dentro de bar no Vila Vargas

Dono de oficina e mais 2 pessoas são executadas nos bairros Castelinho e Jerusalém; um baleado foi socorrido

Tio cadeirante e sobrinho são executados a tiros de calibre .12; mais 2 são baleados e socorridos ao HMTF


Compartilhe:

Deixe seu comentário



APOIO:

Agência Publicitária RC Comunicação

073 99985-0223 / 98839-3445
Fale com a gente
Receba notícias por email