Desafio
universitário

Estudantes da Bahia são finalistas do Desafio Universitário Squid e Greenpeace

14/11/2019 - 14h52Por: Bell Kojima

A Squid, empresa especializada em marketing de influência, em parceira com o Greenpeace, já escolheu os finalistas do Desafio Universitário. A lista das escolhidas conta com a Universidade Salvador (Unifacs), da capital baiana, e faculdades paulistas, como o Centro Universitário Belas Artes, a Fundação Armando Álvares Penteado (Faap) e a Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM-SP). O grupo que ficar em primeiro lugar vai receber R$ 5 mil e terá a divulgação dos créditos do projeto em todos os canais de comunicação da Squid, juntamente com o nome da respectiva instituição de ensino.

Um dos principais objetivos é gerar ações de impacto social, aproximando os estudantes da prática do planejamento de campanhas com criadores de conteúdo. O desafio foi aberto a qualquer aluno matriculado em uma universidade e as inscrições poderiam ser individuais ou em grupos de até 3 pessoas. Os alunos não precisavam ser do mesmo curso e foi necessário que cada equipe tivesse o acompanhamento de um professor tutor responsável pelo projeto.

É uma oportunidade única para que estudantes de diversas áreas possam entender, na prática, o planejamento de uma campanha e também entender que é possível transformar a sociedade em pequenas ações do dia a dia”, explica Carlos Tristan, co-fundador e CMO da Squid.

O projeto campeão será ativado pela Squid e pela ONG após o campeonato, com ajustes necessários. A ideia é que o concurso possa ser utilizado como forma de avaliação de uma disciplina da faculdade também, integrando ensino e prática na formação dos estudantes.

Nessa próxima etapa, será realizada uma apresentação presencial (ou via streaming para estudantes fora de São Paulo) de até 10 minutos com todos os grupos. O objetivo é que os alunos expliquem o planejamento da campanha com detalhes para uma banca de avaliação formada por membros da Squid, Greenpeace e convidados. Nesta etapa será escolhido o grupo vencedor do prêmio.

Com esse desafio, os jovens ficarão mais conectados com os problemas que a nossa sociedade enfrenta e também serão estimulados a criar soluções mais práticas para resolver essas questões. É muito importante que os estudantes estejam engajados nessas ações”, informa Eduardo Meireles, coordenador de Aquisição Digital do Greenpeace.

Veja a lista dos finalistas:

Universidade Salvador (Unifacs) – Pedro Henrique Santos da Silva e Isadora Tavares Falcão

Centro Universitário Belas Artes – Vivian Corrêa de Oliveira

Centro Universitário Belas Artes – Fernanda dos Santos Medrado, Clara Rie Takayasu e Lucia Chrystina de Lima Brigatti

Escola Superior de Propaganda e Marketing de São Paulo (ESPM-SP) – Felipe Choquere Costa

Fundação Armando Álvares Penteado (Faap) – Laís Aguiar Ribeiro, Flávia Conte de Arruda Campos e Eduardo Santolin Vietri

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Edição: Bell Kojima


Deixe seu comentário
Tentativa de homicídio Adolescente é esfaqueado após discussão em Rancho Alegre e socorrido ao HMTF
7 de dezembro de 2019 - 16:35h
Feira da agricultura familiar "Feira da Agricultura Familiar" com clima de comemoração
7 de dezembro de 2019 - 14:12h
Violência doméstica Pregador de igreja é preso suspeito de manter mulher em cárcere privado
7 de dezembro de 2019 - 13:46h
Campeonato intermunicipal Itapetinga e Itamaraju na final do Intermunicipal ao vivo na TVE
6 de dezembro de 2019 - 16:53h
Teixeira criativa Teixeira Criativa: projeto promove destaque da arte teixeirense
6 de dezembro de 2019 - 15:23h
Biodiversidade Seminário comemora os 20 anos do Parque Nacional do Descobrimento
6 de dezembro de 2019 - 15:15h